04:08 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

    Coreia do Norte fatura US$ 200 milhões com exportações; China é o maior parceiro comercial

    © Sputnik / Ilia Pitalev
    Mundo
    URL curta
    9141

    A Coreia do Norte está violando as sanções da comunidade internacional ao comercializar commodities e também está vendendo armas para a Síria e Mianmar. Segundo relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), estas atividades renderam US$ 200 milhões entre janeiro e setembro de 2017.

    O Conselho de Segurança impôs repetidas sanções contra Pyongyang após seguidos testes balísticos e nucleares de Kim Jong-un. A mais recente rodada de sanções ocorreu em dezembro, após a Coreia do Norte testar um míssil que afirma ser capaz de atingir qualquer parte do território dos Estados Unidos. Foram estabelecidos limites para a importação de petróleo refinado da Coreia do Norte e autorizada a inspeção e apreensão de navios suspeitos de contrabando de itens proibidos.

    Segundo a embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley, as sanções atingem 90% das exportações norte-coreanas, na comparação com 2016.

    Entretanto, o relatório da ONU diz que as sanções não foram acompanhadas de "vontade política" e coordenação suficiente para garantir sua implementação. 

    "Este ano pode representar uma janela de oportunidade crítica antes de um possível erro de cálculo com implicações desastrosas para a paz e a segurança internacionais", afirma o relatório.

    De acordo com a investigação da ONU, a Coreia do Norte tem um projeto de cooperação em mísseis balísticos com a Síria e Mianmar.

    Cerca de 70% dos US$ 200 milhões exportados por Pyongyang foram obtidos por meio da venda de minério de ferro para a China.

    Mais:

    'Se Coreia do Norte dispõe de instalações subterrâneas, elas são inexpugnáveis'
    Ex-oficial da CIA: Coreia do Norte está 'assustada' com possível ataque dos EUA
    Embaixador russo em Pyongyang revela planos dos EUA para Coreia do Norte
    Rússia sabe que mísseis possui Coreia do Norte
    Aposta arriscada? General diz que Coreia do Norte não provou que pode atingir os EUA
    Eleições russas terão cabine de votação na Coreia do Norte
    Seul: Coreia do Norte será eliminada do mapa se usar armas nucleares
    Como uma cantora pop norte-coreana parou a Coreia do Sul com uma única visita
    Tags:
    Nikki Haley, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik