18:15 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Destroços do Boeing 777 malaio na região de Donetsk, no leste ucraniano

    Cruz Vermelha: mais de 1.000 corpos seguem sem ser identificados no leste da Ucrânia

    © Sputnik / Andrei Stenin
    Mundo
    URL curta
    213

    Os corpos de mais de mil mortos do conflito armado em Donbass, no leste da Ucrânia, continuam sem identificação. A informação foi concedida à Sputnik pelo chefe da representação do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) em Donetsk, Michel Saad.

    "De acordo com nossas avaliações modestas, pelo menos 1.500 pessoas desapareceram como resultado do conflito, ninguém sabe o número exato, mais de 1.000 corpos encontrados em Donbass em ambos os lados da linha de separação estão à espera de identificação", disse ele.

    De acordo com Saad, "atualmente cerca de 650 pedidos de busca de pessoas desaparecidas em ambos os lados da linha de contato e registrados por nós desde o início do conflito continuam sem solução".

    "O próximo passo deve ser criar uma plataforma que permita que todas as partes interessadas troquem informações para responder aos pedidos de pesquisa", explicou.

    Desde abril de 2014, as Forças Armadas da Ucrânia mantém uma operação contra insurgentes da região de Donbass que se recusaram a aceitar as mudanças realizadas no país após o golpe de Estado que destituiu o presidente eleito Viktor Yanukovich. 

    Mais:

    Por que Ucrânia é vulnerável perante os tanques dos adversários?
    Analista adverte sobre possibilidade de novo Maidan na Ucrânia
    Putin espera que as relações entre Rússia e Ucrânia se normalizem no futuro
    Arquivos secretos revelam fraude estatal na Ucrânia envolvendo aliados de Poroshenko
    Tags:
    mortos, guerra civil, conflito, Cruz Vermelha, Donetsk, Donbass, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik