13:33 21 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    828
    Nos siga no

    O ministro das Relações Exteriores britânico, Boris Johnson, pediu união da comunidade internacional contra o programa nuclear da Coreia do Norte.

    "O programa ilegal norte-coreano para construir armas nucleares é uma ameaça para a estabilidade regional e internacional, a comunidade internacional deve estar unida em sua abordagem", disse Johnson, citado pelo jornal Evening Standard.

    Ele acrescentou que as sanções contra a Coreia do Norte já estão "mordendo", mas destacou que é preciso manter a pressão diplomática.

    De acordo com a publicação, as declarações de Johnson foram feitas na véspera da cúpula no Canadá, durante a qual será discutida a situação em torno da península coreana.

    A situção em torno da Coreia do Norte se agravou bruscamente em 2017 após Pyongyang realizar uma série lançamentos de mísseis, assim como testes nucleares. 

    Em dezembro de 2017, o Conselho de Segurança da ONU adotou novas sanções contra a Coreia do Norte, através da resolução 2379, preparada pelos EUA. 

    Tags:
    comunidade internacional, Conselho de Segurança da ONU, Boris Johnson, Grã-Bretanha, Reino Unido, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar