19:01 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Submarino argentino ARA San Juan (foto de arquivo)

    Putin oferece ajuda ao presidente argentino para encontrar submarino desaparecido

    © AP Photo/ Courtesy of Argentine Navy
    Mundo
    URL curta
    9223

    O submarino argentino San Juan está desaparecido desde o dia 15 de novembro. O Brasil enviou três embarcações para ajudar na busca pelo submarino argentino, que sumiu dos radares com 44 tripulantes.

    O presidente russo, Vladimir Putin, durante uma conversa telefônica nesta quarta-feira (22) com o seu homólogo argentino, Mauricio Macri, ofereceu ajuda na busca pelo submarino argentino desaparecido San Juan. A informação foi divulgada pelo serviço de imprensa do Kremlin.

    "Durante a conversa telefônica, o presidente russo, Vladimir Putin, disse palabras de apoio ao presidente da República da Argentina, Mauricio Macri, na sequência da situação em torno do submarino de San Juan, desaparecido no Oceano Atlântico, oferecendo assistência na busca e na operação de resgate. Os líderes concordaram em manter contatos sobre a questão entre os ministérios da defesa dos países", diz o comunicado.

    Putin e Macri também discutiram algumas questões relacionadas ao desenvolvimento da cooperação bilateral entre a Rússia e a Argentina.

    Com 44 tripulantes, a embarcação está desaparecida desde quarta-feira (15). Sua última localização registrada foi a 430 quilômetros do ponto mais próximo da costa da península de Valdés, no sudeste da Argentina.

    Mais:

    Sinais de submarino desaparecido não ajudaram em sua localização, diz Marinha argentina
    Foi detectado mais um sinal que pode ser do submarino argentino perdido
    Conheça a 'rainha dos mares', a mulher desaparecida no submarino argentino (FOTOS, VÍDEO)
    Quantos dias de vida restam para tripulação do submarino argentino desaparecido?
    Tags:
    desaparecido, resgate, submarino, Mauricio Macri, Vladimir Putin, Rússia, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik