18:50 04 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    810
    Nos siga no

    O representante da coalizão internacional liderada pelos EUA, o coronel Ryan Dillon, declarou que o líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, pode estar vivo.

    "Sem provas conclusivas de sua morte, continuamos a considerar ele como vivo", disse Dillon aos jornalistas nesta quinta-feira.

    Mais cedo, o secretário da Defesa dos EUA, James Mattis, também afirmou que, apesar das notícias de sua morte, o líder terrorista poderia ter sobrevivido.

    Em junho, o ministério da Defesa da Rússia declarou que al-Baghdadi poderia estar morto após um ataque aéreo da Força de Defesa Aeroespacial Russa, realizado em 28 de maio nas proximidades da Raqqa.

    Também em julho, a imprensa árabe informou que Daesh teria confirmado a morte do seu líder.

    Mais:

    Baghdadi vivo ou morto? Rússia vê 'contradições' sobre a morte de líder do Daesh
    Inteligência iraquiana nega a morte de Baghdadi: líder do Daesh pode estar vivo?
    Vice-ministro: 'combate ao terrorismo na Síria irá até o fim, com Baghdadi morto ou não'
    Daesh executa um dos seus líderes por alusão à morte de Baghdadi
    Baghdadi está morto: Guarda Revolucionária do Irã confirma a morte do líder do Daesh
    Tags:
    EUA, Ryan Dillon, Abu Bakr al-Baghdadi, coalizão internacional, Daesh
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar