06:42 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    15281
    Nos siga no

    A investigação preliminar da morte do tenente-general russo Valery Asapov perto da cidade síria de Deir ez-Zor mostrou ter havido um vazamento de dados para o Daesh, afirmou à Sputnik uma fonte nos serviços de segurança da Síria.

    "Os resultados da investigação preliminar da morte do general Asapov em Deir ez-Zor indica um vazamento de informação sobre sua localização para a parte que realizou o ataque", informou a fonte.

    O tenente-general Asapov morreu no domingo passado (24) após ter sofrido um "ferimento fatal" em um bombardeio do Daesh perto de Deir ez-Zor, segundo o Ministério da Defesa da Rússia.

    Asapov fazia parte do grupo de conselheiros militares russos que prestava assistência aos comandantes sírios durante a operação de libertação da cidade de Deir ez-Zor.

    Comentando o incidente, o vice-chanceler russo Sergei Ryabkov afirmou que a morte do general Asapov é o preço pago pela Rússia devido à "duplicidade" dos EUA em relação à regularização da crise na região.

    Entretanto, o Ministério da Defesa russo publicou fotos aéreas da zona perto de Deir ez-Zor, controlada pelos terroristas, que mostram de modo claro veículos militares dos serviços especiais norte-americanos em pontos fortificados que anteriormente tinham sido construídos pelos terroristas.

    Mais:

    EUA abandonam uma das suas bases na Síria: para onde ela foi transferida?
    Força Aeroespacial russa realiza 10 ataques aéreos contra terroristas na Síria
    Ministério das Relações Exteriores russo acusa EUA de ajudar terroristas na Síria
    Tags:
    dados, vazamento, investigação, general, morte, Daesh, Ministério da Defesa (Rússia), Tenente-general Asapov, Deir ez-Zor, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar