09:14 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, em discurso na 72ª Assembleia Geral da ONU

    'Homem-foguete deveria ter sido tratado há muito tempo', diz Trump

    © REUTERS/ Eduardo Munoz
    Mundo
    URL curta
    37817

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a ameaçar o líder norte-coreano Kim Jong-Un. Em discurso para a campanha do senador Luther Strange, no estado de Alabama, Trump falou sobre a tensão na península da Coreia.

    "Não podemos ter homens loucos lá fora atirando foguetes em todo o lugar", afirmou o presidente republicano nesta sexta-feira (22). "O homem-foguete deveria ter sido tratado há muito tempo."

    Durante seu discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) na terça-feira, Trump chamou Kim de "homem-foguete" em uma "missão suicida" e afirmou que poderia "destruir completamente" a Coreia do Norte, caso necessário.

    Kim Jong-un respondeu e disse que Trump e o povo dos Estados Unidos  "pagarão caro" pelas "palavras excêntricas" do presidente. Foi a "mais feroz declaração de guerra da história", disse o líder norte-coreano.

    Mais:

    Menos emoção, mais razão: Lavrov revela estratégia para crise com Coreia do Norte
    Assange: ameaças dos EUA só estimulam o programa nuclear da Coreia do Norte
    Japão não exclui possibilidade da Coreia do Norte testar bomba de hidrogênio
    EUA querem 'condições certas' para dialogar com a Coreia do Norte
    Vice-chanceler alemão explica por que o líder da Coreia do Norte não é louco
    Mídia: Coreia do Norte cogita explodir bomba de Hidrogênio no Oceano Pacífico
    Tags:
    Kim Jong-un, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik