15:50 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeira da China (foto de arquivo)

    China surfa no vácuo deixado pelo Ocidente e fechará acordo econômico com UEE

    © AFP 2019 / ISAAC LAWRENCE
    Mundo
    URL curta
    13340
    Nos siga no

    Os preparativos para o acordo de cooperação comercial e econômica entre a União Econômica Eurasiática (UEE) e a China foram discutidos na segunda-feira em Pequim, durante uma sessão do grupo de trabalho interdepartamental sobre iniciativas de integração, informou o ministério das Relações Exteriores da Rússia nesta segunda-feira.

    A sessão foi liderada pelo vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Igor Morgulov, e pelo assessora do ministro chinês das Relações Exteriores, Li Huilai.

    "[A discussão] centrou-se em questões de interconexão do desenvolvimento da União Econômica Eurasiática e da [iniciativa] One Belt, One Road [também conhecida como a Nova Rota da Seda], bem como na preparação do acordo UEE-China sobre cooperação comercial e econômica, o acordo russo-chinês sobre parceria no âmbito da economia eurasiática. [As partes] reafirmaram sua intenção de intensificar os esforços para formar uma grande parceria euro-asiática, agregando o potencial das organizações de integração regional, com base na abertura, transparência e respeito mútuo pelos interesses [de cada país]", afirma o comunicado.

    As partes também discutiram medidas práticas destinadas à implementação de acordos, assinados pelo presidente russo Vladimir Putin e seu homólogo chinês, Xi Jinping, voltados para a promoção de projetos de integração bilateral e regional.

    A UEE é integrada por Armênia, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão e Rússia. O bloco permite a realização de livre movimentação de bens, capitais, serviços e pessoas no território dos países-membros e estabelece a adoção de regulamentos compartilhados em diversas esferas econômicas.

    Mais:

    Temer e Putin discutirão Mercosul e Comunidade Econômica Eurasiática
    Sem apoio do premiê, Moldávia vai assinar acordo com União Econômica Eurasiática russa
    Israel espera iniciar ainda em 2016 conversas de livre comércio com União Eurasiática
    Tags:
    cooperação econômica, União Econômica Eurasiática, Li Huilai, Igor Morgulov, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar