22:58 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeira Nacional da República Bolivariana da Venezuela

    Presidente da Argentina: Venezuela deve ser excluída do Mercosul

    © flickr.com / Cristóbal Alvarado Minic
    Mundo
    URL curta
    803
    Nos siga no

    Os ministros das Relações Exteriores do Mercosul vão se reunir neste sábado (5), em São Paulo, para decidir sobre a suspensão ou não da Venezuela do bloco.

    O presidente da Argentina, Mauricio Macri, declarou em seu Twitter nesta quinta-feira (3) que a Venezuela deve ser excluída do Mercosul. 

    "Como um país democrático, a Argentina tem a posição definida de que a Venezuela deve ser suspensa do Mercosul", disse o presidente em sua conta oficial no Twitter.

    ​"Vamos retirar de Nicolás Maduro a Ordem do General San Martin, pela violação sistemática de seu governo aos direitos humanos", acrescentou o líder argentino.

    O Brasil está atualmente na presidência temporária do Mercosul e conduz as negociações para punir a Venezuela. Recentemente, o Palácio do Planalto condenou as atitudes do governo venezuelano e o ministro de Relações Exteriores do Brasil, Aloysio Nunes, classificou como “golpe de Estado” o anúncio de Maduro para a realização da Assembleia Constituinte no país. 

    Mais:

    'Cuba afirma que foi lançada uma operação internacional bem coordenada' contra a Venezuela
    Líder do Brexit diz que Venezuela está 'a beira do desastre'
    Especialista: as próprias autoridades da Venezuela dão motivos para pressão aos EUA
    Tags:
    Mercosul, Nicolás Maduro, Maurício Macri, Venezuela, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar