03:35 21 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Tumulto na Assembleia Nacional da Venezuela

    Venezuela acusa Colômbia e México de conspirar com CIA contra Maduro

    © AFP 2019 / Juan Barreto
    Mundo
    URL curta
    734

    O ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Samuel Moncada, acusou os governos da Colômbia e do México de trabalhar com a CIA para derrubar o presidente venezuelano Nicolás Maduro.

    "O chefe da CIA assegura que trabalha com Colômbia e México para derrubar o governo democrático da Venezuela", escreveu Moncada em sua conta oficial do Twitter. 

    ​O ministro mostrou um fragmento de uma transcrição de uma conversa entre a diretora-executiva da consultora Asymmetrica, Vanessa Neumann, o diretor da CIA, Mike Pompeo, em que foi destacado o interesse norte-americano em garantir que a Venezuela fosse um país "estável" e "democrático". 

    No documento divulgado, Pompeo assegura que tem realizado reuniões no México e na Colômbia. 

    Presidente da Venezuela, Nicolas Maduro
    © REUTERS / Miraflores Palace/Handout via Reuters
    "Acabo de estar na Cidade do México e em Bogotá na semana passada falando sobre este tema precisamente; tentando ajudá-los a entender as coisas que poderiam fazer para alcançar melhores resultados para o seu canto do mundo e nosso canto do mundo ", diz o fragmento.

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse recentemente que iria impor novas sanções econômicas contra a Venezuela se Maduro continuasse com sua decisão de realizar a Assembleia Nacional Constituinte. 

    Nesta semana, a oposição venezuelana pretende realizar mais uma série de protestos, às vésperas das eleições para a Constituinte Nacional, agendadas para o próximo dia 30 de julho. Na quarta e quinta-feira, a oposição prometeu realizar uma greve geral de dois dias. A embaixada norte-americana recomentou aos cidadãos dos EUA evitar as manifestações e acompanhar o desenrolar dos acontecimentos. 

    Mais:

    EUA recomendam aos seus cidadãos na Venezuela armazenar água e alimentos
    Maduro: Rússia, China e Índia são os principais aliados da Venezuela
    Mercosul se oferece para mediar diálogo entre Governo e oposição na Venezuela
    Greve geral deixa 2 mortos e 9 feridos na Venezuela
    Tags:
    conspiração, Assembleia Constituinte, crise, CIA, Nicolás Maduro, EUA, México, Colômbia, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar