00:08 16 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeiras dos EUA e da Rússia

    Vice-chanceler: EUA não suspendem sanções nem se Rússia jogar 'bandeira branca'

    © Sputnik / Sergei Pyatakov
    Mundo
    URL curta
    1231
    Nos siga no

    O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, declarou nesta quarta-feira (19) que mesmo que Moscou levante uma "bandeira branca", Washington fará de tudo para não eliminar as sanções contra a Rússia.

    "Nós sabemos que essas sanções que estão em vigor, não importa o que façamos, podemos declarar que concordamos com tudo e jogar a bandeira branca, de qualquer forma terão pedidos de audiências, questionamentos. Senadores, congressistas — eles acharão um milhão de desculpas para não cancelar nada", disse Ryabkov em entrevista a um canal de televisão russo.    

    A administração de Barack Obama adotou em dezembro de 2016 um pacote de sanções contra a Rússia alegando suposta "interferência nas eleições" e "pressão sobre diplomatas norte-americanos" que trabalham na Rússia. Além disso, dois complexos diplomáticos russos foram fechados no final de 2016 como parte das sanções.

    Moscou, por sua vez, afirmou que fará retaliações se os EUA não atenderem às suas demandas de retornar seus ativos diplomáticos. 

    Mais:

    Chanceler alemão defende o levantamento das sanções contra a Rússia em entrevista
    Rússia prorroga embargo de alimentos a países que aplicaram sanções contra Moscou
    Rússia prolonga medidas de resposta às sanções ocidentais até fim de 2018
    Tags:
    interferência, eleições, propriedade diplomática, sanções, Sergei Ryabkov, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar