09:49 24 Julho 2017
Ouvir Rádio
    A polícia federal iraquiana comemora em Mossul ocidental.

    ONU: libertação de Mossul é um marco na luta contra Daesh

    © REUTERS/ Alaa Al-Marjani
    Mundo
    URL curta
    2225 0 0

    O Conselho de Segurança da ONU classificou a libertação da cidade iraquiana de Mossul das mãos dos insurgentes como um marco na luta contra o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico).

    "O Conselho de Segurança saúda a declaração pelas autoridades iraquianas sobre a liberação de Mossul, que foi um marco na luta global contra o Daesh e um passo significativo na tentativa de libertar o Iraque do Daesh, então prestamos homenagem ao primeiro-ministro, às forças de segurança e ao povo iraquiano por seus esforços bem sucedidos", diz um comunicado do Conselho de Segurança nesta quinta-feira (13).

    O primeiro-ministro o premiê iraquiano, Haider al-Abadi anunciou oficialmente a vitória sobre o Daesh em Mossul, que estava mantida sob controle dos militantes terroristas por mais de três anos.

    O Conselho de Segurança da ONU pediu mais trabalho para estabilizar as regiões libertadas, incluindo os esforços do retorno voluntário e seguro de milhões de pessoas deslocadas. Membros do Conselho de Segurança também pediram a "responsabilidade por todas as violações dos direitos humanos e do direito humanitário internacional".

    Mais:

    Sem Mossul, Daesh deve intensificar tráfico de petróleo, ópio e seres humanos
    General americano: ainda há focos de resistência do Daesh em Mossul
    Especialistas iraquianos: como fica o Iraque depois da libertação de Mossul?
    Mossul foi completamente limpa do Daesh
    Tags:
    libertação, ocupação, terroristas, Estado Islâmico, Daesh, Haider al-Abadi, Mossul, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik