23:34 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Donald Trump - foto de arquivo de 2014

    Trump: Eu faço tudo o que Putin não quer

    © AFP 2018 / Jewel Samad
    Mundo
    URL curta
    1338

    O presidente dos EUA, Donald Trump, disse em entrevista à agência Reuters, que teve uma postura bastante dura durante o encontro com o presidente russo, Vladimir Putin.

    Putin e Trump se encontraram cara a cara pela primeira vez à margem da cúpula do G20 em Hamburgo na sexta-feira passada (7). O encontro durou mais de duas horas.

    "Fui muito duro quando conversei com Putin", disse Trump à Reuters. Ao mesmo tempo, ele sublinhou que os dois presidentes têm "relações muito importantes, que podem salvar muitas vidas, por exemplo, graças à trégua [na Síria]."

    Trump também revelou que queria perguntar ao líder russo se ele o tinha apoiado durante a campanha eleitoral. "Queria perguntar a Putin se ele na verdade me apoiava", disse o líder norte-americano.

    No entanto, o chefe da Casa Branca destacou que desde que foi eleito tomou uma série de medidas das quais, segundo ele, Moscou não deve gostar.

    "Olhem só o que é que eu fiz. Os preços de petróleo começaram a diminuir. Estamos fornecendo gás natural liquefeito à Polônia. É o que Putin não quer. Além disso, aumentaram gastos em equipamento militar em 56 bilhões de dólares [R$ 179,6 bilhões] em comparação com o orçamento do ano passado. Putin não quer nada disso. Então por que é que me deve apoiar?", disse.

    Mais:

    Congresso dos EUA quer impedir colaboração entre Trump e Putin
    Especialista: reunião de Putin com Trump foi mais produtiva, do que a cúpula do G20
    Tags:
    encontro bilateral, conversa, Cúpula do G20, Vladimir Putin, Donald Trump, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik