06:43 15 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    7426
    Nos siga no

    Sete militares da Guarda Nacional Bolivariana na Venezuela gravemente feridos após um dispositivo explosivo ter sido detonado em uma das entradas para a área de Altamira, localizado a leste de Caracas, durante uma manifestação da oposição.

    "Sete feridos da Guarda Nacional Bolivariana depois de um ataque a bomba terrorista hoje em Altamira e outros dois feridos por bala em La Tahona e San Antonio", disse o ministro de Comunicação e Informação Ernesto Villegas.

    O coronel da Guarda Nacional, Sergio Rivero, por sua vez, disse à televisão estatal venezuelana que os funcionários foram levados ao hospital no complexo militar Fort Tiuna, e, apesar das lesões, estão estáveis.

    Rivero disse que o dispositivo teria sido feita com vários artigos de pirotecnia para gerar "uma onda explosiva e incendiária" de maior intensidade.

    Oposição venezuelana já completa 100 dias nas ruas protestando pela "restauração da ordem democrática" e pelas eleições gerais, embora estas não estejam previstas na Constituição.

    As manifestações no país têm sido cenário de constante caos e violência, deixando já 91 mortos e milhares de feridos.

    Tags:
    oposição, feridos, militares, protesto, explosão, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar