07:52 17 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Construção do gasoduto Corrente Turca

    Turquia fecha acordo com Gazprom sobre financiamento da 'Corrente Turca'

    © Foto: TurkStream
    Mundo
    URL curta
    10140

    A empresa estatal de petróleo e gás turca BOTAS e a gigante petroleira russa Gazprom fecharam um acordo sobre o financiamento do projeto do gasoduto Corrente Turca no território da Turquia. A informação foi divulgada pelo diretor-geral da BOTAS, Burhan Ozcan, nesta segunda-feira (10).

    "Nós já acordamos com eles [Gazprom] sobre esta questão, mas eu não mas não posso divulgar os números — em que porcentagem compartilhamos, faremos isso", disse Ozcan à Sputnik às margem do XXII Congresso Mundial de Petróleo.

    Ozcan também disse que o processo de obtenção de permissões para a construção da segunda parte da Corrente Turca foi "sem problemas, sem armadilhas".

    O projeto Corrente Turca foi anunciado no final de 2014 pelo presidente russo, Vladimir Putin, durante uma visita oficial à Turquia. Em novembro de 2015, o projeto foi suspenso, depois que um avião russo, Su-24, foi derrubado por um caça F-16 turco na Síria. As relações entre Moscou e Ancara foram retomadas em junho do ano passado, depois de um pedido de desculpas da Turquia à Rússia.

    Em outubro de 2016, Moscou e Ancara assinaram um acordo intergovernamental sobre a construção de duas linhas submarinas do gasoduto no Mar Negro. Estima-se que a capacidade anual de cada linha alcance 15,75 bilhões de metros cúbicos de gás natural.

    Mais:

    Corrente Turca: Bulgária e Sérvia devem assinar acordo para transporte de gás russo
    Corrente Turca avança: gás russo fluirá para Europa pela Turquia
    Gazprom planeja lançar a construção da rota marítima da Corrente Turca nos próximos meses
    Tags:
    acordo, petróleo, gasoduto, Corrente Turca, Gazprom, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar