02:26 25 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    323
    Nos siga no

    O secretário de Estado norte-americano, Rex Tillerson, fez um apelo nesta quarta-feira (5) a todos as partes que combatem o Daesh (Estado Islâmico) para que evitem entrar em conflitos mútuos e para aderir às zonas de segurança.

    "Os EUA e nossos parceiros da coalizão na luta contra o grupo terrorista Daesh estamos destinados a garantir que os civis de bairros libertados recentemente possam voltar às suas casas e restabelecer suas vidas", disse Tillerson.  

    Ele pediu que todos os participantes do processo "lembrem que nosso objetivo é o combate contra o Daesh". 

    "Nós pedimos que todas as partes, inclusive o governo sírio e seus vizinhos, a oposição síria e as forças da coalizão, que lutam contra o Daesh, evitem conflitos mútuos e respeitem as fronteiras geográficas acordadas pelas zonas de segurança", acrescentou o secretário de Estado. 

    As zonas de segurança foram criadas para acolher refugiados e serem usadas para melhorar a distribuição da ajuda humanitária. O governo sírio e as forças de oposição não podem se envolver em conflitos nas zonas de segurança.

    Mais:

    Ações da coalizão dos EUA na Síria apenas dificultam derrota do Daesh
    Síria diz que ataques da coalizão liderada pelos EUA fortalecem Daesh
    Drones filmaram mísseis de cruzeiro russos atingindo posições do Daesh na Síria (VÍDEO)
    Tags:
    zonas de segurança, terrorismo, conflito, Estado Islâmico, Daesh, Rex Tillerson, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar