16:11 16 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    002
    Nos siga no

    Dezenas de casas foram soterradas no sudoeste da China após a parte alta de uma montanha cair sobre uma aldeia, deixando mais de 120 pessoas desaparecidas.

    Um deslizamento de terra ocorrido neste sábado (24) na província chinesa de Sichuan, no sudoeste do país, deixou mais de 120 pessoas desaparecidas. De acordo com as autoridades, pelo menos 62 casas foram soterradas. 

    Equipes de resgate trabalham retirando rochas para encontrar sobreviventes. 

    ​A parte alta de uma montanha caiu sobre a aldeia de Xinmo no começo deste sábado (horário local) por conta das fortes choves na região, soterrando de rochas uma área de dois quilômetros do curso de um rio e 1.600 metros de uma estrada.  

    ​“As autoridades devem esforçar-se ao máximo para reduzir as baixas e prevenir desastres secundários”, disse o presidente chinês, Xi Jinping, citado pela agência Xinhua. Segundo ele, os desaparecidos e os que sofreram perdas pelo desastre “devem receber o cuidado apropriado”.

    ​Foi informado também que uma equipe de mais de 1.000 pessoas trabalham no local com retroescavadeiras retirando rochas.

    Tags:
    China, Xinhua, deslizamento, mortes, desaparecidos, chuvas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar