10:30 16 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Hacker

    Europol: Ataque cibernético sem precedentes afeta 200 mil usuários em 150 países

    © AFP 2018/ THOMAS SAMSON
    Mundo
    URL curta
    103

    O diretor do Serviço Europeu de Polícia Rob Wainwright afirmou que o ataque cibernético global da sexta-feira (12) afetou mais de 200 mil usuários em 150 países.

    "Nunca vimos uma coisa parecida", disse Wainwright ao canal britânico ITV. "Segundo as últimas avaliações, mais de 200 mil usuários foram afetados pelo menos em 150 países. Entre as vítimas há muitas empresas, incluindo grandes corporações", disse ele.

    O caos cibernético foi causado pela divulgação do vírus WannaCry, um software que "sequestra" os arquivos de um computador para, em seguida, pedir "resgate" aos seus usuários em troca de uma quantia em dinheiro. 

    "No momento, estamos diante de uma ameaça crescente: os números [dos afetados] estão aumentando, nos preocupa que os números possam crescer quando as pessoas forem para o trabalho e ligarem seus computadores na segunda-feira de manhã", disse o diretor da Europol.

    Para desenvolver o vírus, os hackers modificaram um programa da Agência de Segurança Nacional dos EUA. Após a infeção, várias grandes empresas, hospitais e agências governamentais têm suas operações parcial ou completamente paralisadas.

    Mais:

    Kaspersky Lab registra 45 mil ciberataques nesta sexta-feira: maioria dos alvos na Rússia
    Grande ciberataque atinge Ministério do Interior da Rússia
    Qual é a escala do ciberataque que 'sequestrou' computadores pelo mundo?
    Tags:
    ciberataque, Agência de Segurança Nacional, Europol, Rob Wainwright
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik