09:57 16 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Militares das Forças Armadas dos EUA participando de um treinamento em Taji, Iraque (arquivo)

    Mídia: Daesh usou gás mostarda contra soldados iraquianos, americanos e australianos

    © AP Photo/ Karim Kadim
    Mundo
    URL curta
    847130

    Terroristas do Daesh utilizaram gás mostarda para atacar uma unidade do exército iraquiano na qual estavam especialistas militares dos Estados Unidos e da Austrália, segundo afirmou a imprensa norte-americana nesta terça-feira.

    O incidente teria ocorrido no último domingo e, de acordo com a CBS, deixou ao menos 25 soldados das Forças Armadas do Iraque feridos. Nenhum militar estrangeiro foi atingido.

    Ainda segundo a mídia americana, fontes locais informaram sobre a distribuição de máscaras e outros equipamentos de proteção pessoal para os soldados, uma vez que a expectativa é a de que novos ataques como esse possam ocorrer.

    Essa não foi a primeira vez que o grupo extremista utilizou armas químicas contra seus inimigos. Mostarda, cloro e outras substâncias tóxicas vêm sendo utilizadas com frequência pelos militantes, conforme relatos de testemunhas.

    Mais:

    Ex-general sírio acusa Assad de esconder centenas de toneladas de armas químicas
    Damasco: centenas morreram em ataque dos EUA contra depósito de armas químicas do Daesh
    Presunção de inocência? O que se sabe até agora sobre as armas químicas na Síria
    Tags:
    armas químicas, gás mostarda, Daesh, Austrália, Iraque, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik