18:33 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Tropas da OTAN participam dos exercícios militares na Polônia

    Rússia se diz forçada a entrar em confrontação com OTAN

    © AFP 2017/ JANEK SKARZYNSKI
    Mundo
    URL curta
    13810813873

    O Ministério das Relações Exteriores da Rússia publicou uma nota nesta seta-feira (31) afirmando que Moscou se sente forçada a assumir uma relação de confrontação com a OTAN.

    De acordo com a chancelaria, a OTAN não está pronta para retornar à cooperação prática com a Rússia para combater ameaças reais à segurança regional e global.

    "Estamos sendo praticamente pressionados a assumir um paradigma de relação de confronto baseado na lógica de um impasse militar", diz a diplomacia russa ao comentar os resultados da recente reunião do Conselho Rússia-OTAN a nível de embaixadores em Bruxelas.

    A OTAN tem impulsionado sua presença militar na Europa, particularmente nos Estados do Leste Europeu, desde o início da crise ucraniana, citando a suposta interferência da Rússia no conflito interno como justificativa para as suas ações.

    A Rússia, por sua vez, tem repetidamente negado as alegações de envolvimento na crise ucraniana. De acordo com Moscou, a acumulação de tropas e equipamento militar nas suas fronteiras é provocativa, viola as promessas da OTAN e pode levar a uma desestabilização regional e global.

    Mais:

    Ucrânia será tema principal da primeira reunião entre Rússia e OTAN em 2017
    Rússia 'não prestará contas à OTAN' sobre suas armas e exercícios militares
    Comandante da OTAN diz que Rússia pode estar apoiando o Talibã
    Tags:
    guerra, confronto, relação, OTAN, Ucrânia, Leste Europeu, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik