22:00 15 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 71
    Nos siga no

    O presidente da Bulgária, Rumen Radev, declarou que as medidas restritivas impostas por Rússia e União Europeia prejudicam a Europa, criando uma divisão no momento mais inoportuno.

    "As sanções geram muito dano, já que dividem a Europa em um momento em que é necessária unidade", disse ele ao canal BTV. 

    Ao comentar a postura da Bulgária sobre as sanções antirussas, Radev destacou que é necessário formula-lá em conjunto pelo presidente, o governo e o parlamento, mas que "no momento não há [posição definida] na Bulgária". 

    O Conselho da União Europeia prorrogou por mais seis meses a vigência das medidas restritivas contra alguns cidadãos e entidades jurídicas da Rússia e Ucrânia, até 15 de setembro de 2017. 

    Desde março de 2014, a União Europeia, os EUA e alguns de seus aliados implementam sanções individuaus e setoriais contra a Rússia pela sua suposta interferência na crise ucraniana. Moscou negou repetidamente qualquer influência no conflito do país.

    Mais:

    Não, obrigado: Rússia não trocará Crimeia pela remoção de sanções
    Rússia não vai iniciar discussão sobre revisão de sanções
    Rússia acusa UE de piorar crise humanitária na Síria com sanções
    Vice-presidente dos EUA: sanções dependem da resposta da Rússia
    Tags:
    restrições, divisão, sanções, Rumen Radev, Ucrânia, Bulgária, União Europeia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar