16:09 15 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    1018
    Nos siga no

    O Departamento de Estado não mudou sua posição sobre a decisão da oposição armada síria de não participar das negociações em Astana, destacando que respeita a decisão.

    Bandeiras da Rússia e da Síria no convés do porta-aviões russo Admiral Kuznetsov no Mediterrâneo
    © Sputnik / Serviço de Imprensa da Frota do Norte/Andrey Luzik/USO EDITORIAL
    "Esta questão já foi levantada antes", disse o porta-voz do Departamento de Estado ao comentar a declaração do chefe da oposição armada, Mohammed Alloush. 

    Anteriormente, o porta-voz do Departamento de Estado, Mark Toner, havia informado que "os EUA respeitam a decisão da oposição de não participar das negociações". 

    Segundo ele, "houve alguma esperança de que as negociações em Astana trariam um cessar-fogo permanente na Síria". 

    O porta-voz observou que ainda não possível alcançar isso. 

    Mais:

    Rússia cobra explicações da Turquia sobre ausência da oposição síria em Astana
    UE reconhece o progresso alcançado na Síria pela Rússia, Turquia e Irã em Astana
    Representantes dos EUA chegam a Astana para negociações sobre Síria
    Tags:
    oposição, Departamento de Estado dos EUA, Mohammed Alloush, Mark Toner, Astana, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar