13:09 11 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    O enviado da ONU para a Síria, Staffan De Mistura, com documentos nos Escritórios das Nações Unidas em Genebra, em 25 de janeiro de 2016

    Negociações sírias em Genebra terminam com otimismo renovado da oposição

    © AFP 2017/ Fabrice Coffrini
    Mundo
    URL curta
    622

    A quarta rodada de negociações intra-sírias mediadas pela ONU em Genebra terminou nesta sexta-feira (3), após mais de uma semana, com resultados “mais positivos” do que as últimas tentativas, segundo o principal negociador da oposição.

    A agenda proposta pelo mediador da ONU, Staffan de Mistura, incluiu três tópicos – governança, constituição e eleições. Damasco pediu a inclusão do contraterrorismo na agenda, enquanto a oposição preferiu dar mais atenção à questão da transição política, e particularmente ao destino do presidente Bashar Assad.

    Como nas rodadas anteriores, os representantes do governo sírio e os negociadores da oposição não se encontraram cara-a-cara, e de Mistura atuou como ponte entre as delegações.

    O principal negociador da oposição, Nasr al-Hariri, disse que foram aceitos provisoriamente 12 princípios gerais sobre o futuro da Síria, sugeridos aos delegados pelas Nações Unidas ao final das negociações.

    O principal negociador do governo sírio, Bashar al-Ja'afari, deixou as negociações sem comentários à imprensa.

     

    Mais:

    Rússia quer participação dos curdos nas negociações sírias em Genebra
    Oposição: 'Constituição Síria não deve ser discutida em Genebra'
    ONU joga suas fichas em nova rodada de negociações sobre Síria em Genebra
    Lavrov: Moscou dá passos concretos para contribuir para o processo de Genebra sobre Síria
    Tags:
    governo, oposição, negociações, Síria, Genebra
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik