03:21 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Clérigo é acusado por Ancara de estar por trás da tentativa de golpe de Estado de julho de 2016

    Turquia: Fethullah Gulen pode fugir dos EUA para o Canadá

    © AFP 2017/ GEOFF ROBINS
    Mundo
    URL curta
    212

    As autoridades turcas estão com receio de que o clérigo Fethullah Gulen, acusado por Ancara de planejar a tentativa de golpe de Estado no ano passado na Turquia, possa deixar os Estados Unidos rumo ao Canadá, conforme admitiu nesta segunda-feira o vice-premier Numan Kurtulmus.

    Gulen, um destacado líder espiritual em seu país, onde é responsável por um movimento conhecido como FETO, vive desde 1999 nos EUA. Ele é conhecido como um dos maiores opositores do governo de Recep Tayyip Erdogan, para quem não há dúvidas sobre a participação do clérigo nos eventos de 15 de julho de 2016, quando um grupo de militares tentou tomar o poder a força, provocando a morte de aproximadamente 240 pessoas e deixando mais de dois mil feridos. 

    "Temos informações de que o líder do FETO, residente dos Estados Unidos, pode escapar para o Canadá, onde ele possui terras e parentes, o que lhe permitiria viver lá", explicou Kurtulmus. "Nós compartilhamos essas informações com os EUA e esperamos que eles tomem todas as medidas necessárias", acrescentou.

    Mais:

    Maduro denuncia tentativa de golpe de Estado na Venezuela
    Tribunal condena dois turcos à prisão perpétua por envolvimento na tentativa de golpe
    Tribunal de Moscou reconhece eventos em Kiev em 2014 como golpe de Estado
    Alegado líder do golpe na Turquia poderá pedir asilo ao Brasil
    Tags:
    FETO, Numan Kurtulmus, Fethullah Gulen, Recep Tayyip Erdogan, Canadá, Ancara, EUA, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik