02:32 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Central nuclear de Bushehr, no Irã.

    Irã: Acordo nuclear não sofrerá revisão

    © AFP 2017/ BEHROUZ MEHRI
    Mundo
    URL curta
    686371

    O ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, afirmou nesta sexta-feira (17) que o acordo sobre o programa nuclear iraniano foi "o melhor que poderia ser feito", destacando que o acordo continuará em vigor, apesar de todos os rumores.

    "Estou certo de que este acordo foi o melhor que era possível fazer. Não só para o Irã, mas também para os Estados Unidos. Tenho certeza de que eles gostariam e tentaram fechar um acordo diferente. Mas isso foi o que nós conseguimos fazer, nós também temos os nossos interesses", disse Zarif em entrevista à CNN. 

    In this photo obtained from the Iranian Fars News Agency, a Qadr H long-range ballistic surface-to-surface missile is fired by Iran's powerful Revolutionary Guard, during a maneuver, in an undisclosed location in Iran, Wednesday, March 9, 2016
    © AP Photo/ Fars News Agency, Omid Vahabzadeh
    Segundo ele, "este é um bom acordo, mas ninguém está plenamente satisfeito com ele". 

    O chanceler iraniano também observou que os parceiros do "sexteto" garantiram a Teerã a impossibilidade de revisão do acordo. 

    "Eu acredito em todos, inclusive nos especialistas dos EUA. A Europa desempenhou um papel importante no fechamento do acordo. E nós ouvimos que os representantes dos países europeus — Grã-Bretanha, França, Alemanha e outros — estão fazendo declarações de que o acordo está fechado para uma segunda discussão. Ouvimos que a Rússia e a China fizeram as mesmas declarações", afirmou. 

    Irã e o "sexteto" de mediadores internacionais chegou em 14 de julho de 2015 a um acordo histórico sobre a res

    Mais:

    No Irã é encontrado observatório de cerca de 1.500 anos
    Tags:
    acordo nuclear, programa nuclear iraniano, sexteto, Mohammad Javad Zarif, EUA, Teerã, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik