09:00 18 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    2210
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Donald Trump, e o primeiro-ministro iraquiano, Haider al-Abadi, discutiram a cooperação na luta contra o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico) e a "ameaça iraniana" em conversa telefônica na última quinta-feira (9).

    "O presidente dos EUA, Donald Trump, conversou ontem com o primeiro-ministro Haider al-Abadi para enfatizar o apoio dos Estados Unidos ao povo iraquiano na nossa luta comum contra o grupo terrorista Daesh", disse a Casa Branca em um comunicado.

    "Ambos os líderes falaram sobre a ameaça que o Irã representa em toda a região", diz a nota. 

    Trump também aproveitou para parabenizar al-Abadi pelo sucesso da operação em Mossul, onde as forças iraquianas, com o apoio da coalizão internacional liderada pelos EUA, libertaram grande parte da cidade do controle dos terroristas do Daesh.  

    As relações entre os EUA e o Irã deterioram-se drasticamente com a administração de Donald Trump. O líder norte-americano declarou anteriormente que não seria tão "amigável" com o Irã como havia sido o seu antecessor, Barack Obama. Trump se manifestou diversas vezes de forma crítica contra o programa nuclear iraniano, alcançados por Rússia, EUA, China, França, Grã-Bretanha e a Alemanha, em 2015. 

    Mais:

    Rússia está preocupada com a possível retirada do Irã do acordo nuclear de 2015
    Pentágono: forças no golfo Pérsico colocadas em prontidão após tensões com Irã
    Irã lança mais um teste de mísseis balísticos
    Casa Branca: Trump está pronto para agir contra o Irã
    Atividade nuclear do Irã não viola leis internacionais, mas em que resultará?
    Tags:
    terrorismo, ameaça, cooperação, Estado Islâmico, Daesh, Mossul, Irã, Iraque, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar