18:12 17 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    052
    Nos siga no

    As negociações sírias em Genebra foram adiadas, entre outros motivos, em função de questões relacionadas à participação curda.

    Neste momento, estão sendo elaboradas as propostas de inclusão de representantes curdos em diversas plataformas da oposição, declarou aos jornalistas o diretor do Instituto de Estudos Orientais da Academia de Ciências da Rússia e conselheiro político do enviado especial da ONU para a Síria, Vitaly Naumkin.

    Segundo Naumkin, "será encontrada uma solução intermediária" para a participação do Partido de União Democrática curdo nas negociações sírias em Genebra.

    "Ou eles serão amplamente representados por outras plataformas. Existem opções. Diferentes opções estão sendo oferecidas para eles participarem não como um grupo separado mas, por exemplo, no âmbito da plataforma de Cairo, onde eles têm um lugar reservado. Por outro lado, os curdos, é claro, gostariam de ser representados como um grupo separado, que se incluiria no processo de negociação", explicou Naumkin.

    "Isso tudo está sendo decidido agora. Por isso, justamente, o início das negociações foi adiado", completou o acadêmico.

    Mais cedo, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse que as negociações de paz sírias, previstas para o dia 8 de fevereiro, foram adiadas para o final do mês. Segundo a delegação síria, o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, tomou a iniciativa de propor o adiamento durante as negociações sírias em Astana, no Cazaquistão.

    Mais:

    As primeiras negociações entre oposição e governo sírio começam em Astana
    Turquia pede envolvimento dos EUA nas negociações sobre Síria em Astana
    Curdos libertaram 15 mil km² das mãos do Daesh em um ano
    Opinião: Turquia usará os terroristas removidos de Aleppo para combater os curdos
    Tags:
    Síria, Genebra, Vitaly Naumkin, Staffan de Mistura, Partido da União Democrática (PYD), ONU, negociações, negociações de paz
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar