21:02 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Vladimir Putin participa da cúpula da APEC em Lima, no Peru, 19 de novembro de 2016

    Casa Branca revela data da 1ª conversa telefônica Putin-Trump

    © REUTERS / Mariana Bazo
    Mundo
    URL curta
    1191
    Nos siga no

    Washington afirma que as conversações entre o 45º presidente recém-empossado dos EUA, Donald Trump, e o chefe de Estado russo, Vladimir Putin, se realizarão hoje (28), às 20h da noite (hora de Moscou, ou seja, 15h de Brasília).

    A conversa diretamente do Salão Oval, em Washington, já está na agenda do presidente, estando marcada para as 12h da hora local. Porém, Vladimir Putin não será o único líder com o qual Trump falará hoje. Antes disso, Trump vai conversar com o premiê japonês, Shinzo Abe, e a chanceler alemã, Angela Merkel.

    Já depois da conversa entre os líderes norte-americano e russo, Trump conduzirá negociações telefônicas com o presidente francês François Hollande e o premiê australiano, Malcolm Turnbull.

    Nesta sexta-feira (27), o porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov, confirmou a informação anteriormente divulgada pela mídia norte-americana em relação à esperada conversa entre os presidentes.

    "Confirmo a informação que a mídia dos EUA publicou (…) É verdade, a conversa telefônica está marcada para sábado. Será à noite pelo horário de Moscou", afirmou Peskov.

    Várias fontes também comunicam que no sábado Trump assinará uma série de decretos, mas seu conteúdo ainda não foi revelado.

    Um fato curioso é que o vice-presidente, Mike Pence, também participará das conversações, de acordo com a agenda do alto responsável divulgado pela Casa Branca na sexta-feira (27) à noite. Mais é de destacar que Pence não figura em todas as outras conversações marcadas para este dia, ou seja, com a Alemanha, a França, o Japão e a Austrália.

    Apesar de Donald Trump ter falado muito sobre a necessidade de melhorar as relações russo-americanas, durante os debates com o candidato democrata à vice-presidência, Pence lançou como rumo uma confrontação feroz com a Rússia, inclusive na Síria e na Europa.

    Mais:

    Ex-militar da CIA: Putin poderá dar Snowden de presente para Trump?
    Documentário da BBC sobre Putin e Trump profetiza uma guerra 'mais fria que a outra'
    Chefe do Pentágono se queixa de Putin
    Tags:
    conversa telefônica, negociações, Casa Branca, Kremlin, Mike Pence, Donald Trump, Vladimir Putin, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar