20:49 21 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Manifestação contra Guantánamo em Washington

    Pentágono confirma tranferência de quatro presos de Guantánamo para a Arábia Saudita

    © flickr.com/ Susan Melkisethian
    Mundo
    URL curta
    0 261 0 0

    O Pentágono confirmou oficialmente nesta quinta-feira (5) a transferência de quatro detentos da prisão militar de Guantánamo para a Arábia Saudita.

    Foram entregues à Riad os presos Salem Ahmad Hadi ben Kanad, Sadiq Abu Ghanim, Abdullah Yahya Yousif Al-Shibli e Muhammad Ali Abdallah Bvazir.

    Salem Ahmad Hadi ben Kanad ficou detido em Guantánamo uma década e meia sem passar por qualquer tipo de processo judicial ou receber alguma acusação. Ele foi colocado sob custódia pelos EUA em 2002 no Afeganistão. Segundo dados das autoridades norte-americanas, ben Kanad chegou ao Afeganistão a partir do Iêmen para combater ao lado do Talibã contra a OTAN, que apoiava os EUA. 

    Os outros três presos transferidos são considerados pelos EUA como membros da organização terrorista Al-Qaeda.

    De acordo com informações da agência Reuters, até a posse do presidente eleito Donald Trump, em 20 de janeito, planeja-se transferir cerca de 19 detidos para pelo menos quatro países, incluindo Arábia Saudita, Itália, Omã e Emirados Árabes. 

    O fechamento da prisão de Guantánamo foi uma das principais promessas da campanha de Barack Obama em 2008, quando concorria ao seu primeiro mandato na presidência. 

    Ele não conseguiu concluir o pleno fechamento da prisão por conta da resistência do Congresso, mas durante a sua presidência o número de detido em Guantánamo caiu de 242 para 55 pessoas. 

    Tags:
    terroristas, prisioneiros, detentos, prisão, Al-Qaeda, Barack Obama, Donald Trump, Guantánamo, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik