17:41 05 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Atentado na noite de Ano Novo em Istambul (14)
    0 02
    Nos siga no

    A versão turca do canal CNN informou nesta segunda-feira (2), citando fontes na polícia local, que um cidadão de Uzbequistão ou Quirguistão está ligado ao atentado na boate Reina, em Istambul.

    De acordo com o divulgado, a polícia teria detido e interrogado 63 militantes do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) em diferentes cidades turcas entre 28 e 31 de dezembro.

    Foram assim obtidos dados sobre o possível envolvimento de um cidadão de Uzbequistão ou Quirguistão no atentado.

    Na madrugada do primeiro dia de 2017, um homem armado com um fuzil Kalashnikov abriu fogo contra uma multidão na famosa boate Reina, matando 39 pessoas e ferindo outras 69. Segundo o Ministério do Interior turco, há 16 estrangeiros entre as vítimas mortais.

    Até o momento, nenhum grupo terrorista assumiu a responsabilidade pelo atentado. O criminoso conseguiu escapar. No país decorre atualmente uma operação de busca.

    Tema:
    Atentado na noite de Ano Novo em Istambul (14)

    Mais:

    Sobrevivente do duplo atentado de dezembro morre no atentado de Ano Novo em Istambul
    Tags:
    atentado, Istambul, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar