22:31 23 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Atentado contra policiais na Jordânia em 18 de dezembro de 2016.

    Atentado contra policiais deixa 10 mortos na Jordânia

    © REUTERS/ Muhammad Hamed
    Mundo
    URL curta
    276701

    Uma turista canadense está entre as vítimas do atentado.

    Ao menos 10 pessoas foram mortas e 22 foram feridas após ataque realizado contra oficiais policiais em três localidades na Jordânia neste domingo (18). 

    Sete policiais, dois civis locais e uma turista canadense foram mortos como resultado de ataques perpetrados por um grupo de homens desconhecidos em Qatrana e Karak. A informação foi divulgada pela emissora CNN, citando o ministro para Relações com a Mídia da Jordânia, Mohammed Momani.

    As autoridades da Jordânia classificaram o ataque como "atentado terrorista covarde". ​

    No início do dia, uma fonte havia informa à Sputnik que sete pessoas haviam sido mortas no ataque, que visava uma delegacia de polícia e um ônibus transportando turistas. 

    Os ataques, que não foram imediatamente reivindicados por nenhum grupo, aconteceram em Karak, um destino turístico conhecido por seu castelo medieval datado do século XII, situado cerca de 120 quilômetros ao sul da capital Amã.

    Os criminosos chegaram a fazer turistas de reféns, mas foram libertados após um ataques das forças de segurança jordanianas.

    Mais:

    Grupo armado toma turistas como reféns em castelo medieval na Jordânia: 7 mortos (VÍDEOS)
    Exército sírio elimina terroristas da al-Nusra na fronteira com a Jordânia
    Sobe para 3 o número de militares dos EUA mortos na Jordânia - mídia
    Tags:
    reféns, civis, turistas, policiais, terrorismo, atentado terrorista, CNN, Omã, Jordânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik