04:44 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Crônicas de Aleppo libertada (64)
    861
    Nos siga no

    Um grupo de 382 rebeldes e seus familiares deixou a região oriental da cidade síria de Aleppo. A informação foi divulgada por uma fonte das forças de autodefesa sírias à agência RIA Novosti.

    "382 pessoas saíram de Aleppo Oriental — são combatentes e membros de suas famílias. Entre eles existem dois feridos e três pessoas manifestaram vontade ficar em Aleppo e saltaram do ônibus", disse a fonte.

    O fim da operação de evacuação de Aleppo Oriental foi postergado por dois dias. Os ônibus ficaram parados nos pontos de retirada aguardando ordens para partir. 

    Em apenas dois dias, cerca de 9,5 mil pessoas foram evacuadas da região oriental da cidade. No entanto, terroristas remanescentes se recusam a deixar alguns bairros de Aleppo. 

    Após o início da operação do Exército da Síria para libertar Aleppo do controle dos terroristas, foi anunciada a criação de corredores de segurança para combatentes que aceitarem entregar as armas e deixar Aleppo. 

    Tema:
    Crônicas de Aleppo libertada (64)

    Mais:

    Putin e Erdogan discutem crise síria e estreitam contatos sobre evacuação de Aleppo
    Potências mundiais chegam a acordo sobre projeto de resolução para evacuação de Aleppo
    Rússia vetará resolução da França sobre supervisão da evacuação de Aleppo pela ONU
    CS da ONU votará projeto de resolução sobre evacuação de Aleppo
    Tags:
    libertação, operação, conflito, combatentes, evacuação, terroristas, Exército Árabe Sírio, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar