15:04 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Vitaly Churkin, representante permanente da Rússia na ONU

    Potências mundiais chegam a acordo sobre projeto de resolução para evacuação de Aleppo

    Mundo
    URL curta
    302907222

    A informação foi confirmada pelo embaixador russo na ONU, Vitaly Churkin. O novo texto será votado amanhã (19), e espera-se que seja aprovado de forma unânime, segundo afirmou a representante dos EUA nas Nações Unidas.

    "Esperamos votar unanimamente este texto amanhã às 9h (14h GMT)", disse Samantha Power em entrevista coletiva, depois de mais de três horas de negociações.

    O Conselho de Segurança da ONU chegou a um acordo neste domingo (18) a respeito do texto de um projeto de resolução sobre a supervisão do processo de evacuação de Aleppo, após a Rússia ter dito que vetaria a proposta anteriormente apresentada pela França.

    A resolução elaborada pela França para colocar a evacuação de Aleppo sob a supervisão da ONU era "perigosa e impossível de implementar", segundo disse Churkin, prometendo vetar a iniciativa e colocar novas propostas sobre mesa.

    "Na verdade, em certas situações ficamos desapontados que representantes das agências humanitárias da ONU não estavam prontos para a missão de monitoramento. Nós não temos nenhum problema com qualquer tipo de monitoramento. Apoiamos o processo de monitoramento apropriado da ONU. Mas a ideia de que os observadores andariam em meio às ruínas de Aleppo oriental sem treinamento suficiente e sem dar conta do que vai estar acontecendo lá é uma tragédia e uma provocação. Espero que não seja uma provocação propositada", acrescentou.

    Mais:

    Rússia vetará resolução da França sobre supervisão da evacuação de Aleppo pela ONU
    Damasco condiciona saída dos rebeldes de Aleppo
    CS da ONU votará projeto de resolução sobre evacuação de Aleppo
    Evacuação em Aleppo conseguiu separar verdadeiramente rebeldes 'moderados' dos terroristas
    EUA apoiam resolução da ONU sobre envio de observadores a Aleppo
    Tags:
    monitoramento, observadores, resolução, acordo, evacuação, Conselho de Segurança da ONU, Samantha Power, Vitaly Churkin, Aleppo, Síria, China, EUA, Grã-Bretanha, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik