19:14 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Líder do grupo terrorista Estado Islâmico Abu Bakr al-Baghdadi. (Arquivo)

    EUA estabelecem recompensa de 25 milhões de dólares por líder do Daesh

    © East News/ Balkis Press
    Mundo
    URL curta
    1867433

    Os Estados Unidos aumentaram a recompensa por "informações que levem à captura, prisão e julgamento" do líder do Daesh (Estado Islâmico), Abu Bakr al-Baghdadi, para 25 milhões de dólares e espalharam cartazes com o anúncio na cidade iraquiana de Mossul.

    Anteriormente, o valor da recompensa era de 10 milhões de dólares, estabelecido ainda em 2011. O Departamento de Estado resolveu "aumentar os meios disponíveis para obter mais informações sobre a liderança do Daesh e poder levá-los à Justiça".

    Os cartazes espalhados pela cidade possuem um um endereço de e-mail e números de telefone para fornecer informações sobre o terrorista, que foi visto pela última vez em setembro em Mossul. 

    O Exército do Iraque declarou na última sexta-feira (16) que sabia o paradeiro de Abu Bakr al-Baghdadi, e disse que se mantém informado sobre os movimentos do jihadista.

    De acordo com o major-general Fadhil Khalil al-Barwari, citado pela emissora libanesa Al Mayadeen, o cérebro dos jihadistas usa esconderijos subterrâneos e muda constantemente de lugar e de aparência, raspando a barba ou alterando as características de seu rosto com as operações plásticas para não ser reconhecido.

    Mais:

    Cabecilha do Daesh eliminado perto de Palmira, diz a mídia
    Exército sírio repele forte ataque do Daesh perto de Palmira
    Exército iraquiano revela paradeiro do líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi
    Daesh pode ter capturado armas antiaéreas na cidade síria de Palmira
    Tags:
    líder, terrorista, recompensa, Departamento de Estado dos EUA, Al Mayadeen, Daesh, Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, EUA, Mossul, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik