18:13 18 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Barack Obama e Donald Trump conversam com a imprensa durante reunião na Casa Branca, em Washington, 10 de novembro de 2016

    EUA: Difícil realizar negociações sobre Síria até posse de Trump

    © AP Photo / Pablo Martinez Monsivais
    Mundo
    URL curta
    0 11
    Nos siga no

    O Departamento do Estado norte-americano afirmou que está mais difícil saber se é possível realizar novas negociações sobre a resolução do conflito sírio até o dia 20 de janeiro, quando acontece a troca do governo nos Estados Unidos.

    "Eu não acho que nós temos acordos de retomar negociações políticas. Mas posso dizer que o secretário de Estado [John Kerry] irá tratar disso, por enquanto ele está ocupando o seu cargo. Não posso prever se isso vai acontecer [as negociações] até o final do prazo desta administração", afirmou o porta-voz do Departamento de Estado, John Kirby. 

    Segundo ele, a atual administração dos EUA pretende pelo menos criar as condições para que as negociações aconteçam cedo ou tarde. 

    Durante o ano, com a mediação dos Estados Unidos, Rússia e sob os auspícios das Nações Unidas, têm sido feitas diversas tentativas para iniciar conversações entre o governo da Síria e a oposição para resolver o conflito no país, mas não houve êxito.

    Mais:

    Daesh pode ter capturado armas antiaéreas na cidade síria de Palmira
    Assad: Trump pode ser um aliado 'natural' da Síria
    Fonte na Síria revela plano de retirada dos terroristas e seus familiares de Aleppo
    Daesh danifica 2 tanques turcos na Síria
    Onde estão os S-400 russos enquanto Israel bombardeia Síria?
    Tags:
    negociações de paz, posse, resolução, negociações, conflito, Donald Trump, John Kirby, Barack Obama, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar