12:19 08 Dezembro 2016
Ouvir Rádio
    Avião anfíbio russo Beriev Be-200

    Exportações da aeronave anfíbia russa Be-200 aos EUA devem começar em breve

    © Sputnik/ Reprodução da Agência Voyeninform
    Mundo
    URL curta
    9103381

    O representante russo para os assuntos comerciais nos EUA, Aleksandr Stadnik, partilhou com a Sputnik Internacional sua esperança de que as exportações do avião anfíbio Beriev Be-200 comecem em 2018.

    A empresa de aviação russa Beriev precisa ter a certeza quanto à durabilidade e à seriedade da parceria russo-americana a fim de avançar na produção e na venda das suas aeronaves Be-200, afirmou o representante para os assuntos comerciais russo nos EUA, Aleksandr Stadnik à Sputnik Internacional.

    "Os Estados Unidos estão altamente interessados na aeronave russa Beriev Be-200", disse Stadnik na quinta-feira (1).

    "Porém, precisamos da estabilidade política que se traduza em uma confiança de que nossos vastos investimentos estão bem protegidos", frisou.

    Stadnik explicou que atualmente o projeto está em andamento, já que a Rússia precisa de conseguir a certificação da Administração Federal de Aviação dos EUA para começar os fornecimentos do avião Be-200.

    Devido ao fato da aeronave Be-200 já ter obtido certificação na Europa, o mesmo processo nos EUA pode ser simplificado. É de destacar também que a aeronave foi usada há pouco em Israel para ajudar a combater incêndios florestais, bem como em Portugal para os mesmos fins em agosto de 2016.

    "Acredito que podemos iniciar as exportações em 2018", afirmou o especialista.

    Em 2012, a empresa norte-americana TTE International Inc. celebrou um acordo comercial visando comprar aviões Beriev Be-200. O diretor da empresa, David Baskett, comunicou que a aeronave seria usada no âmbito de contratos federais de extinção de incêndios.

    Mais:

    China assina contrato de recebimento de aviões anfíbios Be-200 russos
    Esquadrilha acrobática russa recebe quatro novos caças Sukhoi Su-30SM
    EUA aprovam a venda de 106 aeronaves da Airbus ao Irã
    Tags:
    incêndio florestal, anfíbio, aeronave, venda, cooperação comercial, exportações, Be-200, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik

    Em foco