03:55 24 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Secretário Geral da OTAN Jens Stoltenberg, 8 de julho, 2016

    OTAN diz estar aberta ao diálogo com a Rússia

    © REUTERS/ Jerzy Dudek
    Mundo
    URL curta
    460721

    O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, declarou nesta quinta-feira (24) que "para a OTAN não é um problema" se os seus aliados discutirem diferentes questões com a Rússia.

    "Na verdade, a OTAN decidiu durante nossa cúpula em Varsóvia, em julho deste ano, que nós vamos manter a chance aberta para o diálogo político com a Rússia… a Rússia é o nosso maior vizinho e nós precisamo conversar com eles, nós não podemos isolá-los, nós precisamos sentar e discutir diversas questões, tanto a OTAN, quanto seus aliados", disse Stoltenberg.

    Ele destacou também que "para a OTAN não é um problema" se os seus aliados discutirem diferentes questões com a Rússia. 

    Desde 2014, a OTAN está reforçando sua presença militar na Europa, especialmente nos países do Leste Europeu na vizinhança russa, usando o argumento da suposta interferência russa no conflito ucraniano como pretexto. 

    Moscou, por sua vez, repetidamente negou as acusações e advertiu a OTAN que o acúmulo militar nas fronteiras da Rússia é provocativo e ameaça o equilíbrio de poder estratégico existente.

    Mais:

    OTAN define onde será o centro de combate às ameças 'híbridas' do Daesh e da Rússia
    Putin explica por que Rússia reage bruscamente à ampliação da OTAN
    Comandante da Marinha da OTAN: Moscou não é inimigo, estamos tentado entender a Rússia
    Não faz sentido reforçar OTAN se Trump melhorar relações com Rússia, diz analista
    Tags:
    relações, cúpula, conflito, diálogo, OTAN, Jens Stoltenberg, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik