12:50 23 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Construções israelenses em Jerusalém Oriental

    Alemanha demonstra preocupação com expansão israelense

    © AFP 2017/ AHMAD GHARABLI
    Mundo
    URL curta
    332285105

    O Ministério das Relações Exteriores da Alemanha divulgou uma nota nesta quinta-feira repudiando a decisão das autoridades de Israel de construir novos assentamentos em territórios ocupados, disputados com a Palestina.

    No documento, a diplomacia alemã expressa, mais especificamente, preocupação com um projeto para construir 500 unidades habitacionais em Ramat Shlomo, norte de Jerusalém Oriental.  

    "O governo federal já expressou claramente, várias vezes, a sua posição: a construção de novos assentamentos nos territórios ocupados, incluindo Jerusalém Oriental, viola o direito internacional", diz o texto, acrescentando que essa medida cria mais obstáculos para o avanço das negociações de paz na região. "Nós estamos observando os desenvolvimentos, que podem levar a uma escalada das tensões entre dois grupos da população e, no longo prazo, romper o processo de paz na base da solução de dois Estados". 

    O plano inicial para expandir as construções em Ramat Shlomo foi proposto em 2014, mas acabou sendo cancelado após grande pressão da comunidade internacional. O plano, no entanto, foi retomado pela administração israelense local no último domingo, 20. 

    Mais:

    Palestina promete tornar vida dos EUA 'miserável' se Trump mudar embaixada para Jerusalém
    Israelenses não esperam paz com a Palestina
    Abbas pede que ONU declare 2017 o 'Ano do Fim da Ocupação Israelense na Palestina'
    Tags:
    ocupação, israelenses, palestinos, judeus, assentamentos, Ramat Shlomo, Jerusalém Oriental, Palestina, Israel, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik