20:21 12 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Resolução europeia contra Sputnik (22)
    5100
    Nos siga no

    A resolução do Parlamento Europeu de perseguição à mídia russa coloca o conflito com Moscou em uma dimensão militar. É o que disse parlamentar espanhol, Javier Couso, à agência Sputnik.

    De acordo com o deputado, esta "ótica militarista", escolhida pelo Parlamento Europeu, pode potencialmente levar a "ameaças e mortes".

    "Este documento é perigoso e é um ataque frontal contra os meios de comunicação", disse Couso, uma das vozes contrárias á decisão dentro do parlamento. 

    O parlamentar espanhol já havia criticado o documento anteriormente, afirmando que é irresponsável nivelar a ameaça de um Estado como a Rússia com o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico, proibido na Rússia). 

    O Parlamento Europeu aprovou um documento que compara as agências russas Sputnik e RT à propaganda do Daesh. Com a resolução, Bruxelas pode destinar uma verba de 1 milhão de euros (R$ 3,6 milhões) ao grupo de trabalho encarregue da contenção da Rússia na área midiática.

    O Mistério das Relações Exteriores da Rússia, por sua vez, criticou severamente a medida, afirmando que a resolução adotada pelo bloco ocidental, que afeta as atividades de empresas como a RT e a Sputnik, é um "crime de informação", uma vez que tira da população o direito de analisar por conta própria os eventos globais ao receber conteúdos de fontes alternativas.

    Tema:
    Resolução europeia contra Sputnik (22)

    Mais:

    Moscou: resolução do Parlamento Europeu contra mídia russa é criminosa
    Putin: resolução do Parlamento Europeu é evidência da degradação política da democracia
    'Resolução do Parlamento Europeu visa pôr fim à atividade de mídias conceituadas na UE'
    Parlamento europeu aprova documento que compara Sputnik e RT à propaganda do Daesh
    Tags:
    perseguição, liberdade de expressão, imprensa, militar, resolução, mídia, Daesh, Parlamento Europeu, RT, Sputnik, Estado Islâmico, União Europeia, Europa, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar