22:19 18 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Caminho no bairro Bustan al-Qasr, Aleppo, Síria, 20 de outubro de 2016

    Missão da ONU em Aleppo é evacuada

    © REUTERS / Abdalrhman Ismail
    Mundo
    URL curta
    404

    Após disparos realizados pela oposição armada síria contra o escritório da ONU na parte ocidental de Aleppo, os funcionários da organização internacional foram evacuados. A informação foi divulgada pelo assistente do enviado especial da ONU para a Síria, Jan Egeland.

    Segundo ele, o retorno dos funcionários da organização internacional depende de uma avaliação da situação em relação à segurança da região. 

    "O nosso escritório foi atacado por grupos da oposição armada. Nós evacuamos nosso pessoal. Tivemos que transferir os funcionários, e nós consideramos voltar à parte ocidental de Aleppo. No atual momento nós não temos funcionários internacionais no leste da cidade. Eles foram transferidos para Homs e Damasco", disse ele. 

    No último domingo (20), o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan De Mistura, por sua vez, criticou o governo do país e afirmou que o "tempo está acabando" para o leste de Aleppo. Ele expressou a "indignação internacional" com os bombardeios do regime sírio contra as zonas da cidade controladas pelos rebeldes.

    Mais:

    Por que Rússia não participa da operação em Aleppo?
    Testes confirmam uso de armas químicas no sudoeste de Aleppo
    Militantes terroristas começam a deixar Aleppo
    Staffan De Mistura sobre situação em Aleppo: 'Tempo está acabando'
    17 militantes do Daesh eliminados perto de Aleppo
    Tags:
    tiroteio, oposição, evacuação, organização internacional, missão, ONU, Jan Egeland, Staffan de Mistura, Leste de Aleppo, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar