14:43 23 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Aleppo.

    Terroristas mataram pelo menos 17 civis no leste de Aleppo

    © Sputnik / Mikhail Voskresensky
    Mundo
    URL curta
    203

    Militantes terroristas em Aleppo oriental abriram fogo contra civis e 17 pessoas morreram, além de 40 pessoas que ficaram feridas, informou neste sábado o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov.

    Segundo ele, mais de 300 residentes do leste de Aleppo organizaram uma manifestação e tentaram deixar o território controlado pelos terroristas.

    "No bairro de Haidarie os militantes terroristas, sem aviso prévio, abriram fogo contra os manifestantes com armas automáticas. Morreram 17 pessoas, inclusive dois adolescentes de 13 e 15 anos. Mais de 40 ficaram feridos", disse Konashenkov.

    O porta-voz do Ministério da Defesa adicionou que os terroristas de Aleppo oriental detiveram e fuzilaram cerca de 10 homens, que eles consideravam responsáveis pela manifestação.

    "Os terroristas detiveram e levaram em direção desconhecida cerca de dez homens, que foram considerados organizadores dos tumultos. Na mesma noite todos foram fuzilados", informou o Konashenkov.

    Mais:

    Acabam as reservas alimentares da ONU e crise humanitária se agrava em Aleppo
    Explode a insurgência popular em Aleppo contra os rebeldes 'moderados' (VÍDEOS)
    Exército sírio realiza ofensiva em Aleppo, terroristas sofrem perdas
    Defesa russa explica por que acusações sobre hospitais atacados em Aleppo são falsas
    Sergei Lavrov e John Kerry discutem ação em Aleppo
    Tags:
    civis, morte, terroristas, Igor Konashenkov, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik