17:24 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    37219
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Barack Obama, declarou nesta quinta-feira (17) que, durante a reunião com a chanceler alemã, Angela Merkel, falou sobre a importância da manutenção das sanções contra a Rússia por conta da situação na Ucrânia.

    "Nós discutimos a importância de manter as sanções até que a Rússia cumpra plenamente com as obrigações dos acordos de Minsk", disse ele durante coletiva de imprensa em Berlim. 

    Merkel, por sua vez, afirmou que a Alemanha está interessada em manter boas relações com a Rússia, mas vai continuar a discutir as questões sobre as quais os dois países possuem divergências graves.

    "A Rússia é nossa vizinha, é claro, nós estamos interessados em ter boas relações… Mas isso não pode nos impedir de discutir as profundas diferenças", disse Merkel a repórteres Merkel em após manter conversações com o presidente dos EUA, Barack Obama.

    Os Estados Unidos, a União Europeia e alguns dos seus aliados impuseram várias rodadas de sanções restritivas contra Moscou, visando setores chave da economia russa, bem como um certo número de indivíduos e entidades. 

    As sanções foram impostas após a reunificação da Crimeia com a Rússia e do suposto envolvimento de Moscou no conflito na Ucrânia, que começou quando Kiev lançou uma operação militar na regiões orientais do país em abril de 2014. A Rússia tem repetidamente refutado as alegações.

    Mais:

    Obama e líderes da UE irão discutir prorrogação das sanções contra Rússia
    Câmara dos EUA renova sanções contra o Irã e amplia restrições à Rússia
    Rússia prevê continuidade das sanções ocidentais até 2019
    Trump pode atrapalhar manutenção das sanções da UE contra Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar