01:16 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    27013
    Nos siga no

    Os ministros dos países-membros da OTAN decidiram apoiar a operação migratória da União Europeia chamada Sofia no Mediterrâneo.

    Os navios e aviação da aliança chegarão à região dentro de duas semanas, declarou o Secretário-Geral da OTAN, Jens Stoltenberg.

    "A situação no Mediterrâneo permanece grave. Continuamos observando a movimentação ilegal de pessoas e a morte trágica de grande parte delas. Ontem à noite, os aliados da OTAN decidiram que a operação da Aliança Guarda Marítima (Sea Guardian) apoiará a operação da União Europeia Sofia", disse Stoltenberg aos jornalistas.

    De acordo com as palavras dele, "dentro de duas semanas, os navios e aviões da OTAN chagarão ao Mediterrâneo central e estarão prontos para ajudar na operação Sofia [no Mediterrâneo] na compreensão da situação e apoio de transporte".

    Mais:

    Brasileira de 16 anos: 'Minha vida com os refugiados na Grécia'
    Merkel sugere receber centenas de refugiados da Itália e Grécia
    Grécia: Milhares de pessoas deixam campo de refugiados após incêndio
    Tags:
    resgate, União Europeia, OTAN, Jens Stoltenberg, Mediterrâneo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar