01:47 27 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    606
    Nos siga no

    O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reafirmou hoje que a sua administração permanece "profundamente comprometida" com a resolução da crise dos imigrantes na Europa.

    Em coletiva de imprensa ao lado do primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, nesta terça-feira, Obama disse que os EUA têm um interesse estratégico no fim desse problema humanitário, dadas as suas possíveis consequências para a política do continente europeu. 

    "É de interesse estratégico para os Estados Unidos garantir que a crise migratória que atinge a Europa seja solucionada. É um interesse estratégico por causa da terrível perda de vidas que nós vemos quando as pessoas tentam chegar à Europa, mas também por conta dos efeitos de distorção que essa crise pode ter na política europeia", explicou o presidente americano, prometendo que o seu país fará o possível para ajudar seus parceiros europeus a encontrar uma solução. 

    Mais:

    Anistia Internacional recomenda que Brasil ajude refugiados da América Central
    Líbano só aceitará refugiados de Mossul em circunstâncias especiais
    Centenas de pessoas protestam na França contra criação de novo centro de refugiados
    Tags:
    refugiados, migrantes, Barack Obama, Matteo Renzi, Europa, Itália, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar