13:51 29 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    1125
    Nos siga no

    O Pentágono confirmou nesta segunda-feira que o recente ataque perpetrado por militares americanos na Síria liquidou um líderes do grupo terrorista Frente al-Nusra, Abu Faray Masri.

    Abu Faray Masri era o número dois do grupo terrorista, banido na Rússia e outros países.

    Os representantes do Frente al-Nusra reconheceram a morte de Masri, que foi abatido quando viajava em um veículo perto da fronteira com a Turquia, na localidade de Yamilia.

    O Ministério de Relações Exteriores da Rússia revelou recentemente que todos os debates entre Moscou e Washington giravam em torno da Frente al-Nusra, pois os EUA no realizaram nada para separar o grupo terrorista, directamente relacionado com a Al-Qaeda, das unidades da oposição, que no momento atuam em conjunto.

    Horas antes, o porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, John Kirby, informou que os EUA suspenderam os canais bilaterais de comunicação com a Rússia sobre o plano de acção para solucionar o conflito na Síria, celebrado entre Sergei Lavrov e John Kerry no início de setembro.

    Mais:

    Frente al-Nusra lança ampla ofensiva contra Exército da Síria em Aleppo
    Eliminado comandante da Frente al-Nusra na Síria
    EUA: fortalecimento da Frente al-Nusra na Síria é um grande problema
    Rússia acusa EUA de querer a permanência da Frente al-Nusra na Síria
    Rússia: Frente al-Nusra tenta sabotar o processo de paz na Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar