20:40 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Rebeldes do Primeiro Batalhão sob o grupo de oposição Exército Livre da Síria participam de treinamento militar em 10 de junho de 2015, nos arredores de Aleppo.

    EUA: 'não conseguiremos impedir outras forças de armar a oposição síria'

    © AFP 2017/ BARAA AL-HALABI
    Mundo
    URL curta
    1219

    O vice do Secretário de Estado norte-americano, Anthony Blinken, declarou que, no caso da falha do acordo da Rússia e dos EUA sobre a Síria, Washington terá dificuldade de impedir “outras forças” de armar a oposição síria.

    “Existem muitos players externos e nós, durante estes anos, contivemos alguns deles. No entanto, acredito que será difícil de conter os aliados externos de diferentes grupos na Síria”, disse o diplomata norte-americano à agência Sputnik.

    Mais cedo nesta quarta-feira, o porta-voz do Departamento de Estado, John Kirby, causou grande mal-estar internacional ao afirmar que a Rússia sofreria graves consequências com a falta de paz na Síria, incluindo ataques terroristas contra interesses, aviões, cidades e soldados russos. 

    Mais:

    Rússia responde à ameaça dos EUA de romper cooperação na Síria
    Putin e Merkel discutem acordo entre Rússia e EUA sobre Síria
    Rússia pronta para continuar diálogo com EUA sobre ações conjuntas na Síria
    Rússia e EUA, apesar das divergências, poderão voar na Síria em segurança
    EUA ameaçam congelar cooperação com a Rússia na Síria
    Tags:
    relações internacionais, Guerra Civil Síria, Departamento de Estado, Antony Blinken, John Kirby, Síria, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik