14:02 12 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    John Kirby, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA

    Kirby: EUA estão levando a sério possibilidade de suspender relações com a Rússia

    © AFP 2017/ MANDEL NGAN
    Mundo
    URL curta
    46431

    O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, John Kirby, afirmou nesta quinta-feira que os Estados Unidos estão levando a sério a ameaça de cortar a cooperação com a Rússia para resolver a crise síria, como já havia alertado o secretário John Kerry.

    Na última quarta-feira, Kerry disse ao ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, que os Estados Unidos estavam preparados para deixar de cooperar com Moscou na questão do regime de cessar-fogo na Síria. 

    "Nós falamos sério sobre o potencial de suspender o engajamento bilateral com a Rússia", declarou Kirby durante conversa com jornalistas. 

    Mais cedo, o porta-voz da diplomacia norte-americana causou grande mal-estar internacional ao afirmar que a Rússia sofreria graves consequências com a falta de paz na Síria, incluindo ataques terroristas contra interesses, aviões, cidades e soldados russos. Enquanto algumas autoridades russas entenderam as declarações de Kirby como um reflexo da incapacidade americana de cumprir sua parte no acordo sírio, outras sugeriram que o tom utilizado pelo representante do Departamento de Estado parecia mais uma ameaça direta de terrorismo contra a Rússia.

    Mais:

    EUA 'investiram demasiado na oposição síria para serem capazes de voltar atrás'
    Putin e Merkel discutem acordo entre Rússia e EUA sobre Síria
    Kerry contraria evidências e diz que EUA não querem guerra com Síria
    Síria acusa EUA de contínuas tentativas de derrubar Assad militarmente
    Síria já não existiria, se Rússia não tivesse intervindo
    Kremlin: EUA não cumprem seus compromissos na Síria
    Tags:
    terrorismo, Sergei Lavrov, John Kerry, John Kirby, Moscou, Síria, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik