09:55 16 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    O ex-funcionário da NSA Edward Snowden

    Snowden participará de 'campanha do perdão' endereçada a Obama

    © AFP 2017/ Frederick Florin
    Mundo
    URL curta
    948042

    O ex-agente da Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA), Edward Snowden, irá participar de uma entrevista coletiva para lançar a campanha "Perdoe Snowden'". A informação foi divulgada em release pela União Americana das Liberdades Civis nesta terça-feira.

    "A campanha convocando o Presidente Obama a perdoar Edward Snowden antes de terminar seu mandato será lençada em uma entrevista coletiva em Nova York na próxima quarta-feira (14). O evento incluirá Edward Snowden através de video conferência de Moscou", informou a organização.

    A campanha foi organizada e apoiada pelas mais proeminentes organizações de direitos humanos dos EUA, incluindo a Anistia Internacional e a Human Rights Watch, acadêmicos de direito constitucional, além de ex oficiais do governo norte-americano. 

    Em 2013, Snowden revelou documentos secretos a repórteres expondo práticas de espionagem em massa do governo dos EUA internamente e internacionalmente. Snowden enfrenta acusações do governo norte-americano de espionagem e roubo de propriedade do governo que poderiam lhe causar uma pena de até 30 anos na prisão.   

    Em entrevista ao jornal The Guardian, Snowden argumentou que ele deveria receber perdão porque suas revelações dos programas secretos dos EUA foram "vitais" para o entendimento público do seu governo. 

    Em 2014, Snowden recebeu uma permissão de residência de três anos do governo russo. Seu advogado, Anatoly Kucherena, fez um apelo a Obama para perdoar o ex-agente da NSA e "fazer valer" o seu Prêmio Nobel da Paz.

    Mais:

    TV americana acusa Obama de se curvar perante a Rússia
    Snowden diz que Obama poderia conceder anistia, mesmo indo contra as leis dos EUA
    Obama deve vetar lei que permitiria às famílias do 9/11 processar a Arábia Saudita
    Às vésperas do 11 de setembro, Obama manda indireta para Trump
    Tags:
    perdão, espionagem, Edward Snowden, Barack Obama, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik