17:05 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    O caça MiG-29 do grupo de pilotagem Strizhi no aeroporto militar de Kubinka.

    Após interceptar avião, Rússia acusa EUA de se aproximar de sua fronteira

    © Sputnik/ Vladimir Astapkovich
    Mundo
    URL curta
    1681

    Aviões de espionagem dos EUA por duas vezes tentaram se aproximar da fronteira da Rússia sobre o Mar Negro. A declaração é do porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov.

    Ele comunicou que, "após a aproximação dos caças russos para reconhecimento e identificação visual, o avião dos EUA mudou de rumo abruptamente e seguiu na direção oposta da fronteira da Rússia".

    Konashenkov também observou que os pilotos russos, ao tentar perceber a aproximação do avião dos EUA da fronteira da Rússia, agiu de acordo com o regulamento para a realização de voos internacionais. 

    Anteriormente, foi relatado que um avião militar russo realizou nesta quarta-feira (7) uma interceptação de um avião-espião dos EUA durante sobrevoo no mar Negro. 

    Mais:

    Caça russo Su-27 Jet intercepta avião de espionagem dos EUA no mar Negro
    Caça russo Su-27 cai na região de Moscou
    Pentágono alerta para uma possível escalada de tensões devido ao Su-27
    Tags:
    caça, SU-27, Ministério da Defesa (Rússia), Igor Konashenkov, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik