20:06 24 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Líderes do grupo BRICS, na cúpula do G20 em Hangzhou. 4 de setembro de 2016

    Países do BRICS apelam à luta contra desafios globais

    © REUTERS/ Wang Zhao/Pool
    Mundo
    URL curta
    Cúpula do G20 na China (20)
    571742192

    Os países do BRICS concordaram, no final do encontro informal realizado no âmbito da cúpula do G20 em Hangzhou, em reforçar a cooperação e apelaram à comunidade internacional a lutar contra os desafios globais.

    Isto é afirmado na declaração conjunta dos líderes dos países do BRICS, publicada pela chancelaria chinesa após a reunião.

    "Os líderes dos BRICS sublinharam que os países do grupo devem, com base nos princípios de transparência, solidariedade, igualdade, compreensão, tolerância e cooperação, continuar a fortalecer a parceria estratégica entre os países do bloco", afirma o texto.

    De acordo com os líderes do BRICS, apesar de que a economia mundial e a economia dos seus países enfrentam novos desafios, estes têm a perspectiva e a força motriz para o crescimento.

    Além disso, os líderes do BRICS, após a reunião em Hangzhou, confirmaram o compromisso de intenções de fortalecer o diálogo e a cooperação com outros países em desenvolvimento e outros mercados. Eles observaram que a recuperação da economia global continua desigual, sendo necessário que os países do G20 reforcem a coordenação da política macroeconômica. Os líderes do BRICS também chamaram aos países-membros da organização Mundial do Comércio (OMC) que ratifiquem o mais rapidamente possível e contribuam para a adoção de um Acordo da OMC sobre a promoção do comércio internacional.

    No comunicado conjunto se destaca que os países do BRICS condenam fortemente os atos terroristas em todo o mundo. Neste contexto, os países do BRICS apelaram às ONU e à comunidade internacional a desempenharem um papel fundamental na luta contra o terrorismo.

    Em conclusão, os países do grupo sublinharam a certeza de que a cimeira do G20 em Hangzhou será bem-sucedida. Enquanto isso, os líderes do BRICS expressaram apoio à realização da próxima oitava cúpula do BRICS, que será realizada em outubro na Índia.

    O Grupo BRICS é uma união informal de cinco países: a República Federativa do Brasil, a Federação Russa, a República da Índia, a República Popular da China e a África do Sul. A oitava cimeira do BRICS será realizada de 15 a 16 de outubro em Goa.

    Tema:
    Cúpula do G20 na China (20)

    Mais:

    Banco do BRICS considera que economia russa é estável e tem potencial
    'Se BRICS renunciarem ao dólar isso pode levar a consequências geopolíticas catastróficas'
    Jogos, pré-sal, terrorismo, BRICS: O que pensam os manifestantes do ato "Fora Temer'
    Banco dos BRICS aprova financiamento para a Rússia e conclui acordo com o BNDES
    Tags:
    cooperação multilateral, cooperação econômica, Cúpula do G20, BRICS, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik